UFRN anuncia mudanças estruturais na edição 2012 da CIENTEC

A 18ª Semana de Ciências, Tecnologia e Cultura (CIENTEC), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), programada para acontecer entre os dias 25 a 29 de setembro, terá mudanças em sua estrutura técnica e organizacional. Considerada a maior feira de Ciências e Tecnologias do estado, a revisão na estrutura é necessária para abrigar o crescimento anual de público e trabalhos apresentados.

Segundo dados da Pró-Reitoria da Extensão (PROEX), a CIENTEC contabilizou na edição de 2011 mais de 100 mil visitantes. Neste ano, a demanda de trabalhos inscritos e de público será ainda maior, devido a outros eventos previstos para acontecer durante a feira, como a Feira de Livros e Quadrinhos de Natal (FLIQ), o Congresso de Iniciação Científica (CIC) e o Seminário de Iniciação à Docência (SID).

De acordo com a coordenadora de Cursos e Eventos da PROEX, Rita Luzia Santos, o plano é repensar os espaços destinados às apresentações da feira. “A Universidade é muito grande, por isso precisamos descentralizar as atividades da Praça Cívica e utilizar outros espaços, como o ginásio”, explicou a coordenadora. 

“São 18 anos de um mesmo evento e é preciso inovar. A ideia é mobilizar e integrar pró-reitorias, coordenações e departamentos para repensar a feira e fazê-la contribuir cada vez mais pelo RN”, acrescentou Rita Luzia.

Para alcançar esses objetivos, as discussões estão em torno de uma proposta de divisão da feira em três setores: reuniões acadêmico-científicas (como a SID e o CIC), que seriam distribuídas nos auditórios dos centros; apresentações de trabalhos, que continuariam na Praça Cívica, e os eventos culturais, distribuídos em outros espaços da Universidade.

De acordo com Rita Luzia Santos, também foram feitas mudanças no calendário. Neste ano, a feira está prevista para o período de 25 a 29 de setembro, data ainda em discussão. “A feira foi antecipada por este ser um ano atípico com relação a eventos de grande porte. Em outubro nós teremos as eleições, o que já aumenta a concorrência com relação aos equipamentos necessários para um evento grande como o nosso”, afirmou Rita.

TEMA
Conhecida por trazer assuntos cada vez mais atuais no âmbito das ciências, as discussões sobre a temática deste ano estão em torno das Energias Renováveis. A primeira proposta, ainda não aprovada pela comissão do evento, tem como tema “Energias: sustentabilidade, desenvolvimento e seus impactos”.

Segundo a coordenadora Rita Luzia, o tema entrou em discussão por este ser o ano nacional da energia, além de que a UFRN já desenvolve vários trabalhos de pesquisa e ações de gestão sobre esse assunto.

Para a coordenadora da feira, apesar de o calendário e a programação ainda não estarem definidos, os trabalhos já devem ser iniciados. “Na verdade, a CIENTEC já começou. Os debates acadêmicos, seminários e palestras já começam a mobilizar nossa comunidade acadêmica”, afirmou.
Por Agência de Comunicação UFRN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A água do mar e seus benefícios para a saúde

90% dos trabalhadores querem trocar de emprego, aponta pesquisa

Curiosidades: Ano Bissexto