Brasileira ganha prêmio de sustentabilidade na Alemanha

Com apenas 23 anos, a mestranda Marina Venâncio desenvolveu pesquisa na área de agroecologia e direito ambiental

A mestranda Marina Venâncio, de apenas 23 anos, foi uma das brasileiras ganhadoras do prêmio sustentável internacional, realizado no final do ano passado, na Alemanha. Este ano, ela e o colega brasileiro Hani Rocha El Bizri, da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), voltam ao país para um estágio de 3 meses em suas respectivas áreas de atuação. 
 
Para falar mais sobre a premiação e seu trabalho na área de direito ambiental, o Brasil Rural desta quinta-feira (19) bateu um papo com a estudante da Universidade Federal de Santa Catarinca (UFSC), Marina Demaria Venâncio. O prêmio é realizado pelo Ministério Federal da Educação e Pesquisa da Alemanha, e tem como objetivo promover uma plataforma na qual cientistas de diferentes partes do mundo desenvolvam e compartilhem projetos de ciência desenvolvimento sustentável.
 
A dupla brasileira passou 2 semanas na Alemanha participando do Fórum Internacional para Iniciativas de Alto Potencial em Desenvolvimento Sustentável. Na ocasião, eles tiveram a oportunidade de conhecer diversos laboratórios e profissionais especializados, além de participarem de workshops e troca de ideias com outros 23 participantes. 
Por Simone Magalhães/Rádios EBC
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

90% dos trabalhadores querem trocar de emprego, aponta pesquisa

Curiosidades: Ano Bissexto

Técnica Pomodoro - o que é e como funciona